Outrigger Canoe – Significado, Esporte e o que precisa saber

Publicado: 18/04/2019

Outrigger Canoe

Outrigger Canoa, Canoa Havaiana ou Canoa Polinésia. Conheça a história, tipos, função de cada remador e mais. 

Outrigger Canoe - Paddles

Atualmente, remar em mar aberto, desfrutar de paisagens incríveis, relaxar e fortalecer a mente, é uma das melhores coisas para se fazer, e uma Outrigger Canoe ou Canoa Havaiana pode ser o esporte ideal para você, sua família, equipe ou grupo de amigos.


A Outrigger Canoe foi criada no triângulo polinésio, o qual é um local conjunto de ilhas do Pacífico, se tornou uma prática de esporte extremamente procurada pelas pessoas que estão em busca de aventura, cultura e estilo de vida.


Remar em uma Outrigger Canoe é uma atividade física que possui como principal estrutura a embarcação a remo, além de ter um flutuador lateral que garante estabilidade aos praticantes.



História e origem da Outrigger Canoe ou simplesmente Canoa Havaiana


A Outrigger Canoe surgiu na Polinésia Francesa, um lugar que possui mais de 100 ilhas formadas por 5 arquipélagos, além de ter diversas ilhotas no seu redor, ficando localizados entre os Estados Unidos e a Austrália.


Estas grandes embarcações, que na sua origem eram rústicas e sempre unidas de grandes pedaços de árvores e amarrações confeccionadas com fibras, normalmente de coco, com uma vela ao centro, eram bastante velozes e extremamente importantes para a colonização das Ilhas Polinésias.


Existe uma crença de que a migração de toda a humanidade pelo planeta possa ter sido ocorrida através de uma Outrigger Canoe, especialmente para se descobrir territórios e espalhar a civilização.


Existiam também outros tipos de embarcações, as quais eram usadas até atualmente no mar da Polinésia, em que se guardavam as proporções tecnológicas, que contém somente um tronco, e que também eram usadas para as curtas navegações e transporte local.


As embarcações eram modestas, mutáveis e práticas, além de serem produzidas com ferramentas primitivas, pois como naquela época não existiam instrumentos de metal e escrita, os polinésios eram mestres da navegação e da tecnologia das canoas.


Outro ponto importante na história da Outrigger Canoe, foi a colonização de ilhas, como por exemplo, o Hawaii, Rapa Nui, Taiti, entre outras, em que eram usadas este tipo de canoa, que na maioria das vezes, eram guiadas apenas pelas aves e seguindo sempre as correntezas do mar.


Normalmente os polinésios entravam na água e cada partida era como se fosse um ritual religioso, em que a Outrigger Canoe recebia a benção dos sacerdotes.


É possível dizer que a Outrigger Canoe era considerada como sagrada e mística, devido as grandes distâncias que percorria mar adentro, além de ser capaz de enfrentar ondas grandes e o mar revolto do Pacífico.


Até os dias de hoje diversos rituais e tradições são seguidos, como o batismo da Outrigger Canoe quando entra em primeiro contato com a água.


Toda essa etnia havaiana é até os dias atuais cultivada como uma forma de demonstrar respeito aos vanguardistas e também a forma de trabalho em equipe.

 


Entenda o Outrigger Canoe como esporte


Com o passar dos anos, a canoa havaiana vem sendo cada vez mais usada como prática de esporte e em competições nos mais diversos locais do mundo, apesar da sua origem se relacionar ao transporte.


Em relação a Outrigger Canoe atual, essa é normalmente confeccionada de fibra de vidro e não de koa (um tronco de madeira de uma árvore só) principalmente por conta da preservação, da proteção do meio ambiente e pelo peso, que utilizando novos materiais, trás uma melhor performance. 


A Outrigger Canoe pode ganhar novos, diferenciados e coloridos desenhos, o que deixa a embarcação ainda mais bonita.


Neste esporte, quando não é praticado de forma individual, o fundamental é que sempre exista o sincronismo entre os remadores, além do espírito e do trabalho em equipe.


Vale ressaltar ainda que para existir um desempenho da melhor forma possível, todas as remadas precisam ser ritmadas e sempre harmoniosas, o que respeita o papel de cada componente.


Cada lugar apresenta um jeito diferenciado de se remar, onde foi desenvolvido conforme as características do mar de cada região, da mesma maneira como ocorre com os diferentes tipos de Canoa Polinésia ou Outrigger Canoe.


  • Remador 1: esse é o integrante que deve ditar o ritmo e a frequência de cada uma das remadas, sendo que ele sempre fica na parte da frente da Canoa Havaiana ou Outrigger Canoe;
  • Remador 2: ele deve seguir o remador 1, porém, do lado oposto, além de determinar o ritmo para os remadores 4 e 6, sendo responsável por vigiar o yako dianteiro, pois é preciso virar a canoa em casos de grandes oscilações;
  • Remador 3: é aquele responsável por contar as remadas que são trocadas em um certo tempo, normalmente entre 20 e 25 remadas.


Nesse caso, as melhores equipes sempre trocam o lado a cada 7 remadas, pois elas entendem que a sincronização fica próxima de sair perfeita;

  • Remador 4: é aquele que vigia o yako traseiro e que se atenta para as oscilações que podem acabar virando a canoa;
  • Remador 5: é o responsável por retirar a água que fica acumulada na canoa;
  • Remador 6: fica sempre na parte de trás da canoa e possui a missão mais importante de toda a embarcação, pois deve trabalhar com o leme da canoa, além de ser o responsável por escolher o rumo e a direção que se deve seguir.


A cultura do remo e toda essa paixão acabou virando uma marca, agora você pode encontrar camisetas com temática de Outrigger Canoe, tanto para homens como mulheres, criadas pela Paddles.

Voltar

Receba nossas Ofertas e Novidades